DER recebe 10 propostas de empresas para execução de obras na SP 250

09/02/2018

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) realizou nesta quinta-feira, em São Paulo, Sessão Pública de recebimento e abertura dos envelopes contendo as propostas de preço e documentação das empresas interessadas na execução dos dois últimos lotes de obras para duplicação e modernização da Rodovia Bunjiro Nakao (SP 250). As intervenções, em Vargem Grande Paulista e Ibiúna, beneficiam diretamente 125.152 habitantes.

As melhores propostas recebidas representam redução de R$ 38,04 milhões (36,85%) sobre o valor de referência, que era de R$ 103,25 milhões. Ao todo, dez empresas participaram da Licitação Pública Internacional conduzida pelo DER, órgão vinculado à Secretaria de Logística e Transportes. Se esse desconto for confirmado ao final do processo licitatório, o investimento do Governo do Estado nas obras da SP 250 será da ordem de R$ 65,21 milhões.

A partir de agora, em nova etapa da licitação, todas as propostas de preço e documentação recebidas passarão por análise técnica do DER. O resultado final, com a homologação e adjudicação das empresas vencedoras, será convalidado pelos agentes financiadores do empreendimento, Banco Mundial (por meio do BIRD - Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento e MIGA - Agência Multilateral de Garantia de Investimentos) e Banco Santander S/A, e em seguida, publicado no Diário Oficial do Estado.  A expectativa é que o processo seja concluído em até 90 dias. O prazo para a execução das obras do lote 1 é de 10 meses após o início dos trabalhos. Já para o lote 2, o prazo estimado é de 12 meses.

No lote 1, o pacote de modernização contempla  duplicação e melhorias do km 45,25 ao km 48,7, incluindo duas passarelas, no Km 45,93 e no Km 48,27, em Vargem Grande Paulista. No lote 2, entre o Km 62,6 e o Km 69,58, serão realizadas obras para duplicação e melhorias, duas passarelas, no Km 65,55 e no Km 69,05, alargamento de ponte e dois muros de contenção, em Ibiúna.

Além do reforço na segurança viária e da garantia de melhor fluidez do tráfego, a modernização impulsionará a economia da região, onde se destaca uma expressiva produção agropecuária. Ibiúna, por exemplo, ocupa o 9º lugar no ranking dos dez maiores índices de Produto Interno Bruto (PIB) agropecuário do Estado de São Paulo. Além disso, a região mantém atividade econômica voltada ao comércio e serviços.

Empreendimento. A SP 250, que em média recebe movimento superior a 13 mil veículos por dia, também está sendo duplicada e modernizada em 13,9 quilômetros de extensão, do km 48,7 ao km 62,6. As obras foram iniciadas em dezembro de 2017, com prazo de 18 meses para a conclusão, período em que serão gerados 325 novos postos de trabalho.

Todas as intervenções:

*  Nove passarelas - Km 49,6; Km 53,3; Km 57,2; Km 59,7; Km 61,6; Km 45,93; Km 48,27; Km 65,55; e Km 69,05;

* Duplicação da rodovia entre Km 45,25 ao Km 69,58;

* Novo sistema de drenagem;

* Construção de dispositivos de acesso - em nível (rotatórias);

* Implantação de nova sinalização;

* Recuperação da pista existente.

Fonte: Secretaria Estadual de Transportes.